PALESTRANTES

 

Adriano Araujo, Head da Tesouraria, Amaggi

Formado em Administração com habilitação em Comercio Exterior, pós graduação em Finanças corporativas pela London School of Business and Finance. Tesoureiro corporativo da Amaggi, responsável pelas operações de Tesouraria na América do Sul, Captações ON e OFFSHORE, Derivativos, Cambio (FX), Investimentos, Cash management, Relacionamento com instituições financeiras e Responsável pelas operações de performance de exportação. Liderou no Brasil e Argentina projeto de implantação de um sistema consolidado de Exposição cambial e implantação da consolidação de caixa entre Brasil, Holanda, Suíça, Noruega, Paraguai e Argentina. Iniciou carreira na Amaggi em 2008, passou por diversas áreas como Suprimentos, Planejamento Financeiro, Ativo Fixo, Trader de cambio e Derivativos.

Alessandra Ribeiro, Economista, Tendências Consultoria

Mestre em Economia e Finanças pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e graduada pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Atuou como analista de mercados na BM&FBovespa e, na Tendências, já foi responsável pela área internacional, mercados financeiros, atividade, inflação e política monetária. Atualmente, é Diretora da área de Macroeconomia e Política.



.

Andre Eduardo Demarco, Diretor de Depositária e Operações de Balcão, B3

Administrador de empresas formado pela Universidade Mackenzie, tem pós-graduações em Gestão Empresarial pela FIA/FEA/USP, MBA em Derivativos pela USP e LLM Master of Laws pelo Insper/SP. Atua no mercado financeiro e de capitais há mais de 20 anos, ocupou posições como Diretor de Operações, Diretor de Engenharia de Produtos, Serviços e Educação e atualmente lidera a Diretoria de Depositária de Operações de Balcão da B3 S.A., sendo responsável pela administração da Central Depositaria de Valores Mobiliários e Ativos Financeiros da B3, operacionalização do registro, compensação e liquidação das operações e pelo cadastro dos participantes e investidores na B3.

Carlos Langoni, Economista, FGV

Presidente da Projeta Consultoria Financeira S/C Ltda. Associada ao NM Rothschild & Sons Limited, empresa líder nas privatizações brasileiras (Copesul, Embraer, Light, Vale). É também atual Diretor do Centro de Economia Mundial da Fundação Getúlio Vargas. Atuou como presidente do Banco Central do Brasil de 1980 à 1983. Autor de Nove livros publicados, incluindo Development Crisis: Blueprint to Change, International Center for Economic Growth (ICEG), San Francisco, 1988. Foreword by Paul Volcker. e Distribuição de Renda e Desenvolvimento Econômico do Brasil  - 3ª edição –FGV. É Ph.D em Economia pela Universidade de Chicago.

Daniel Barreto, Diretor Executivo de FX & Derivativos, JP Morgan

No JP Morgan há 7 anos, é responsável pelas operações de FX e derivativos de curto prazo com os clientes corporates e pela área de produtos de cambio.








.

Fernando Honorato Barbosa, Economista Chefe, Bradesco

Entre 1998 e 2000 integrou a equipe de economia do Bankboston. Em 2001 foi economista da Rosenberg & Associados, até ingressar, em agosto de 2001, no Banco Bilbao Vizcaya Argentaria Brasil S.A., atual Banco Alvorada S.A. Em setembro de 2003 foi transferido para o Banco Bradesco S.A., onde alcançou a posição de Economista Sênior. De junho de 2007 a dezembro de 2008, exerceu suas atividades no Banco Bradesco BBI S.A. Em janeiro do ano seguinte retornou ao Bradesco e, em janeiro de 2010, foi promovido ao cargo de Gerente Executivo. Em dezembro de 2011, passou a exercer o cargo de Superintendente Executivo na Bram - Bradesco Asset Management S.A. Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários, permanecendo até abril de 2016, ocasião em que passou a exercer o mesmo cargo no Banco Bradesco S.A., sendo, em janeiro de 2017, eleito Diretor. Graduação: Ciências Econômicas pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo - FEA-USP. Demais Cursos: Mestrado em Economia pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo - FEA-USP. Program for Management Development (PMD) pelo IESE - University of Navarra, São Paulo, SP.

Flavio Bruna, CFO, Timbro

CFO da Timbro Trading, ingressou na empresa em novembro de 2014. A Timbro está no oitavo ano de operações mantendo um negócio sólido e com um ritmo acelerado de crescimento. Nesse período colaborou para a desenvolvimento da empresa em diversos mercados de commodities agrícolas e metálicas, além da sofisticação dos produtos financeiros oferecidos aos clientes. Antes de ingressar na Timbro, foi o Superintendente responsável pelas equipes de vendas de derivativos e câmbio no Banco Votorantim e de derivativos para clientes corporativos no Banco Santander. Foi também Diretor Adjunto responsável pela área de Instituições Financeiras do BankBoston.

Jorge Arbache, Secretário de Assuntos Internacionais, Ministério do Planejamento

Secretário de Assuntos Internacionais do Ministério do Planejamento e professor de economia da Universidade de Brasília. Entre seus cargos recentes estão o de economista-chefe do Ministério do Planejamento, conselheiro econômico sênior da presidência do BNDES e economista sênior do Banco Mundial em Washington, DC. Arbache tem trabalhado intensamente nas áreas de crescimento econômico, comércio internacional, investimentos, produtividade, inovação, tecnologia, competitividade, serviços e economia digital. É autor e coautor de cinco livros e de vários capítulos de livros e tem publicado extensivamente em revistas acadêmicas internacionais. Arbache tem mestrado e PhD em economia e bacharelado em economia e em direito.

Luciano Sobral, Economista, Santander

Luciano Sobral iniciou sua carreira em 2001, na tesouraria do Banco Santander. Em 2005, transferiu-se internamente para o departamento econômico, onde foi estrategista de renda fixa e economista. Em 2007, juntou-se à equipe que fundou a Fram Capital, uma gestora de recursos independente. Foi sócio da Fram Capital até 2013, atuando como gestor de fundos multimercado e de renda fixa. Voltou ao departamento econômico do Santander em 2015, como economista responsável pelos clientes da corretora. É mestre em administração pública em desenvolvimento internacional (MPA/ID) pela Harvard University (como bolsista da Fundação Lemann) e bacharel em economia pela Universidade de São Paulo.

Mansueto Almeida, Secretário do Tesouro Nacional, Ministério da Fazenda

Bacharel em economia pela Universidade Federal do Ceará (UFC), tendo cursado Doutorado em políticas públicas no Massachusetts Institute of Technology (MIT), mas não defendeu a tese. É Técnico de Planejamento e Pesquisa do IPEA, tendo assumido os seguintes cargos em Brasília: Coordenador-Geral de Política Monetária e Financeira na Secretaria de Política Econômica no Min. da Fazenda (1995-1997), Assessor da Comissão de Desenvolvimento Regional e de Turismo do Senado Federal (2005-2006) e Assessor Econômico do Senador Tasso Jereissati. É funcionário de carreira do IPEA em Brasília, mas a partir de junho de 2014 passou a gozar de licença sem vencimento do instituto, interrompida, em maio de 2016, quando voltou ao IPEA e foi cedido para assumir o cargo de Secretário na Secretaria de Acompanhamento Fiscal, Energia e Loteria (SEFEL) do Ministério da Fazenda em Brasília e, desde abril de 2018, está no comando da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) do Ministério da Fazenda. 

Marcio Holland, Professor de Economia, FGV

Professor da Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV EESP), onde coordena o Observatório das Estatais e o Curso para Alta Gestão em Governança Corporativa para Administradores e Conselheiros de Empresas Estatais. Atua, também, como Colunista para o Broadcast/Agencia Estado Foi Secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda (2011-2014); foi membro do Conselho de Administração do BNDES e da Brasilprev; foi também pesquisador nível 1 CNPq (2003-2013), com pesquisas sobre comportamento da taxa de câmbio. É autor dos livros Taxa de Câmbio no Brasil (2011), A Economia do Ajuste Fiscal (2016), ambos pela Editora Elsevier, além de diversos artigos acadêmicos públicos em periódicos nacionais e internacionais sobre o tema desta proposta.. Tem doutorado em Economia, pós-doutorado em Economia pela University of California, Berkeley, CA, foi visiting scholar na University of Columbia in the City of New York. Foi Secretário-Executivo Adjunto da ANPEC (Associação Nacional de Centros de Pós-Graduação em Economia). Realiza estudo sobre políticas fiscais após a Crise de 2008, pesquisas sobre modelos de taxa de câmbio, estudos sobre previdência social e envelhecimento populacional e sobre as empresas estatais brasileiras. Tem se dedicado a escrever livro didático sobre macroeconomia e finanças.

Marco Sudano, Diretor de Tesouraria, Itaú Unibanco

MBA com especialização em finanças pela New York University e FGV, é diretor da Tesouraria Institucional do Itaú Unibanco desde 2006. Trabalhou durante seis anos na área de finanças corporativas do grupo Bunge antes de ingressar  no mercado financeiro, em 1992 no JP Morgan, onde permaneceu por nove anos. Atuou também no Unibanco Asset Management, Quantix Investimentos (sócio-fundador) e BankBoston, acumulando experiências como Diretor Estatutário de Tesouraria, Diretor Estatutário de Investimento em Gestora de Ativos, Chefe das Mesas de Juros e Câmbio e Operador de Câmbio. Foi membro do Conselho de Administração da CETIP S.A. – Balcão Organizado de Ativos e Derivativos; Conselho de Regulação e Melhores Práticas de Mercado Aberto – ANBIMA; Presidente do Comitê de Política Monetária da ANBIMA de 2003 a 2007 e Diretor da ANBIMA de 2007 a 2008. Integrou também o Comitê de Ética da BM&F e presidiu o Comitê de Mercado/Tesouraria da ABBI. Membro da Câmara de Renda Fixa Câmbio e Derivativos/B3 , membro do Conselho de Auto-regulação da Anbima e membro da Comissão de Tesouraria da Febraban.

Neill Penney, MD and Co-Head Trading, F&R Thomson Reuters

Head global de Trading na Thomson Reuters F&R, ingressou na empresa em maio de 2013 como Workflow Management Proposition Manager para Marketplaces. Nessa função liderou o desenvolvimento de vários produtos FX para a Thomson Reuters, incluindo os produtos de trading FXall e TR Electronic Trading. Antes de ingressar na Thomson Reuters, foi Managing Director europeu de Estratégia de E-Trading de Renda Fixa no Morgan Stanley. Neill se juntou originalmente ao Morgan Stanley em 2009 como Diretor de Estratégia de Produto para Câmbio e Mercados Emergentes, supervisionando o projeto e o desenvolvimento da plataforma eFX da empresa. Antes disso foi vice-presidente da J.P. Morgan, onde ocupou vários cargos, entre eles, STIRT, FX Options e eCommerce. Neill é formado em Matemática pela Universidade de Oxford.

Rafael Biral, Head of Financial Markets Sales, Standard Chartered

Possui mais de 20 anos de experiência no mercado financeiro brasileiro e internacional tendo trabalhado em diversas instituições como Societe Generale e ABN AMRO Bank sempre nas áreas de vendas e estruturação de FX, commodities e renda fixa. Há 8 anos no Standard Chartered Brasil, é responsável pela área de vendas de financial markets com foco em clientes corporativos e institucionais. Formado em economia, com mestrado em finanças e economia pela FGV-SP e com especialização em corporate finance pelo INSEAD.

Rafael Kasai, Corporate Sales, Bank of America Merrill Lynch

Rafael Kasai é diretor e executivo sênior da área de vendas para produtos de Renda Fixa, FX e Commodity nos segmentos de Global Markets e Investment Banking do BofA Merrill Lynch. Antes de ingressar na Merrill Lynch em 2010, Kasai ocupou diversas posições ligadas à Renda Fixa e Estruturação no Credit Suisse. Kasai é formado em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo.




.

Silvia Barros de Mello, Head de Tesouraria, Heineken

Profissional de finanças com mais de 20 anos de experiência atuando em funções de Corporate Finance e Treasury, trabalhando para grandes empresas nacionais e multinacionais nos setores industrial, comercial e bancário. Sólidas habilidades em atividades de captação de recursos, bem como no gerenciamento de riscos relacionados a exposições a moedas estrangeiras, commodities e taxas de juros por meio de hedge.






.

Tony Volpon, Economista Chefe, UBS

Tony foi Diretor do Banco Central do Brasil (BACEN) de abril de 2015 a julho de 2016, e membro do Comitê de Política Monetária (Copom). Durante sua passagem pelo Banco Central, foi responsável pela gestão de riscos das reservas internacionais do BACEN e pela análise da conjuntura econômica global. Foi membro de vários comitês internacionais (delegado do G20 e também dos Comitês de Mercado e Sistema Financeiro Global do BIS). Antes do Banco Central, Tony foi Managing Director da Nomura Securities (2009-2015) como responsável em Américas por Market Research de Mercados Emergentes, com foco em Brasil. Antes disto foi Head de estratégia e da equipe de economistas na CM Capital Markets (2004-2009). Tony começou sua carreira como trader de dívida externa (Brady Bonds) e FX.

Vinicius Guidotti, Head Brasil da Tesouraria, Monsanto

Vinicius Guidotti é administrador, pós graduado em finanças, atua em departamento de tesouraria de grandes empresas multinacionais desde 2005. Atualmente, lidera a Tesouraria no Brasil da Monsanto, sendo responsável pelo gerenciamento de caixa, gestão de risco de risco de moeda e commodity, operações de câmbio spot, seguros, dívida e ferramentas de financiamento a clientes. Ao longo de sua carreira, participou de vários projetos para melhorar a gestão de caixa, mitigação de risco cambial e commodities, aprimoramento de custo de capital e gerenciamento de risco de crédito.

Wagner Ruiz, CFO, Ebanx

Com amplo conhecimento em comércio cross-border e pagamentos eletrônicos, adquirido em mais de 15 anos de experiência no mundo financeiro, Wagner Ruiz é responsável pelas operações financeiras do EBANX. Especialista em finanças globais, Wagner desenhou toda a infraestrutura de pagamentos cross-border do EBANX e continua sendo o mentor por trás da arquitetura financeira que liga a empresa ao mundo. Ele estudou Economia na Universidade Mackenzie e é especialista em finanças de fintechs, em sistemas regulatórios – como interagir com eles e ser disruptivo –, em risco e compliance e oportunidades de negócios em tempos de crise.

Detalhes do Evento


Data
Quarta-feira,
12 de Setembro de 2018

Horário
07h30 às 13h00  

 
Local
WTC Event Center
Entrada pela Av das Nações Unidas, 12.551
(link do mapa)

*Recomendamos a utilização de táxi para acesso ao local do evento
 
Custo
Cortesia
Dúvidas
Inscreva-se

Hashtags oficiais do evento: 
#BrasilFX
#SmarterTrading


 

@FinancasRisco 

Finanças e Risco

 Blog Brasil sobre Finanças e Risco

thomsonreuters.com.br/fx


Conecte-se com os profissionais do mercado financeiro usando Eikon Messenger


 

 


Nomes sujeitos a alteração.



Ao submeter o formulário, você autoriza a Thomson Reuters  a enviar e-mails sobre produtos e serviços que sejam de seu interesse​.